Restrições e estímulos ao corpo pelo online

Chegamos a 3 meses de atividades online. Como tem sido? Certamente são bem diferentes do encontro presencial que permite sentir o grupo em cada experiência ou a pessoa em cada atendimento. O 2D das telas deixa de lado a interação e a convocação dos sentidos todos do corpo. Também não é possível tocar para orientar melhor as investigações de consciência corporal e movimento. Sem falar nas saudades de mover livremente em um ambiente 3D, aguçando a percepção do espaço, sem as distrações da tela.

Mas o online traz surpresas que as rotinas, tempos e hábitos da cidade às vezes não permitem. É o que dizem os depoimentos de pessoas que descobriram novas sensações e se permitiram algumas ousadias na dança por estarem no acolhimento de casa, sem o acanhamento que o olhar do outro pode trazer. Também as possibilidades de romper com a apatia da quarentena, descobrindo novos modos de interagir com o lugar que se habita e de reconhecer a si mesmo. Ou ainda perceber a planificação das telas é desafiada quando engajamos as diferentes camadas do corpo, das mais físicas às mais subjetivas e transcendentais.

Continuamos esperando pela volta do presencial. Mas inspirados pela potência que atravessa o online. Junte-se a nós: conecsoma.com.br (link na bio) ou mande mensagem.

Outros impulsos para quarentenas em família

Mães e filhas se juntaram numa coincidência inpiradora nas Experiências de Corpo e Movimento desta semana. Em uma das telas, duas jovens irmãs, que navegam pelas atividades do ConeCsoma há alguns anos, estavam acompanhadas pela mãe. Em outra tela, uma bailarina ativista, parceira há tempos, reuniu a filha e uma amiga para sensibilizarem a percepção e ativarem os corpos.

O tema da noite já era bem instigante – relações com a gravidade – mas a participação das mães e filhas juntas trouxe um sentido de intimidade e partilha para a experiência que foi inspirador. Vê-las juntas, em suas casas, experimentando dinâmicas de movimento, deu a sensação de um ritual de transformação da quarentena. Um laboratório em tempo real do que se ouve com frequência nas aulas: o corpo tem a potência de modificar o modo como nos relacionamos com os outros e com o ambiente

Experiências e atendimentos online

Temos 3 opções de cuidado e autoconhecimento para você. Conheça as propostas abaixo. Para dúvidas, entre em contato

Situações de restrição ou isolamento podem afetar seu equilíbrio emocional, seu bem estar físico e sua capacidade de adaptação e criatividade. Pensando nisso, o ConeCsoma oferece três tipos de sessão online ao vivo para você cultivar autocuidado em diferentes dimensões. Escolha abaixo a que mais tem a ver com você ou com alguém próximo que você queira presentear. Sua participação ajuda a criar uma comunidade de apoio mútuo, um programa de bolsas e a continuidade do nosso trabalho.

PicsArt_03-17-11.21.50Experiência de Corpo e Movimento: A partir de práticas de consciência corporal e exploração de movimento, esta sessão ao vivo nutre novas qualidades de mobilidade, muda a rotina e a sensação de isolamento, permitindo contato virtual divertido junto a amigos, familiares ou até para conhecer pessoas novas.
(em grupo online)
Saiba mais
Inscreva-se

vitsm_PicsArt_07-05-09.20.10

Vitalidade Somática: Práticas com orientação online ao vivo para distensionar o corpo, criar espaço interno, melhorar a mobilidade e a consciência corporal, relaxar e suavizar as travas do corpo.
(Individual ou em grupo virtual)
Saiba mais
Inscreva-se

ocef1_sl_fst

Mentoria Somática: Oferece escuta e reflexão junto com práticas corporais para estimular novos modos de perceber a si mesmo, de lidar com os tempos atuais e suas dinâmicas de vida e relações. Sessão online ao vivo, desenhada a partir das questões específicas de cada participante.
(Individual)
Saiba mais
Agende a sua

As iniciativas online do ConeCsoma têm como referência diferentes abordagens de educação somática, com destaque para o Body-Mind Centering, além de princípios de comunicação, dança contemporânea e transdisciplinaridade, em uma metodologia desenvolvida por Ricardo Barretto, mentor do ConeCsoma.